Guia de carreiras: Analista de marketing para produtos

A área de marketing possui muitas vertentes, e boa parte delas está relacionada de alguma maneira. Hoje, vamos falar sobre o marketing para produtos. Você já ouviu essa expressão?

Mesmo produtos magníficos ou surpreendentes podem ter dificuldade em alcançar seus consumidores sem um bom analista de marketing para produtos.

No momento em que uma empresa desenvolve um produto e planeja uma estratégia de vendas, ela recorre a este profissional para responder a uma série de questões e garantir uma boa aceitação do lançamento no mercado.

Desde a análise do público ao qual se destina o produto, passando pelas decisivas estratégias de preços até os métodos de publicidade, os profissionais de marketing para produtos ajudam as empresas a definirem diversas questões críticas.

Trabalhando em conjunto com outros especialistas, esses colaboradores dão foco no longo prazo para esforços de marketing e para o sucesso da organização.

Confira, no artigo de hoje, um guia completo sobre a carreira de analista de marketing para produtos!

 

Afinal, o que faz o analista de marketing para produtos?

Esse profissional combina o seu conhecimento de mercado com táticas de negócios para planejar como introduzir produtos para os consumidores. Em suma, para esse tipo de trabalho, entender o perfil do comprador é indispensável.

Concentrando-se em esforços táticos, o analista examina indicadores de mercado, como segmentação, motivadores de compra e inteligência do consumidor para determinar quando e onde comercializar um produto. Ele ajuda com marcadores e percepções do produto e também pode participar na criação de conteúdo online ou impresso sobre o lançamento.

O analista de marketing para produtos trabalha frequentemente com os gerentes de marketing de produto, os auxiliando na criação de estratégias e de análises mais aprofundadas. Em poucas palavras, as funções do analista envolvem desenvolver:

  • O posicionamento do produto.
  • O diferencial competitivo do produto, frente aos concorrentes.
  • A mensagem da empresa sobre o produto.
  • O alinhamento entre as equipes de vendas e de marketing.

Como você pode imaginar, portanto, o marketing para produto é essencial quando um item novo está sendo lançado no mercado. Outra situação em que seu papel é importante é quando um produto que já existe vai ser introduzido em um novo mercado, no qual os consumidores ainda não o conhecem.

O analista de marketing para produtos também é essencial é na hora de testar a recepção de um grupo de consumidores a um lançamento, antes de liberá-lo para o público em geral.

Qual é a rotina de trabalho do analista de marketing de produto?

De modo geral, existe uma falta de compreensão sobre o que esse profissional realmente faz. Uma razão para isso pode ser o fato de que muitas empresas usam o termo produto de marketing para descrever outras funções, como gerenciamento de produtos, por exemplo.

Em algumas organizações, a única responsabilidade de um analista de marketing para produtos é o posicionamento. Em outras, ele se concentra apenas na habilitação das vendas ou é responsável por conduzir a demanda de consumo, e há, também, aquelas que delegam todas essas atividades para esse profissional.

Então, sobre o que o analista de marketing para produto é realmente responsável em sua rotina de trabalho? Como vimos, esse profissional precisa de uma profunda compreensão do cliente e do mercado, para garantir que:

  • Um produto e seus novos recursos estejam adequadamente posicionados no mercado;
  • As equipes de vendas e marketing possuam todos os conhecimentos e materiais necessários para atrair novos clientes;
  • O produto possa satisfazer às necessidades do público-alvo e superar suas expectativas;
  • A demanda e o consumo de produtos estejam em alta contínua;
  • O produto permaneça relevante à medida que os mercados evoluem.

Já os resultados tangíveis do trabalho de um analista de marketing para produtos incluem, tipicamente:

  • Posicionamento que atraia e converta perspectivas e leads em clientes;
  • Materiais de ativação de vendas que ajudem os representantes a fecharem mais negócios;
  • Inteligência competitiva que dê à equipe uma profunda compreensão do mercado;
  • Estratégias e planos de lançamento que descrevam em detalhes como o produto será promovido e vendido.

Como funciona o trabalho de um analista de marketing para produtos

Todo o produto possui um ciclo, e ele, geralmente, é composto por quatro fases: introdução no mercado, crescimento, maturidade e saturação e declínio. O trabalho do analista de marketing para produtos se concentra antes da primeira fase – e também possui diferentes estágios.

Vejamos as responsabilidades desse profissional em cada estágio que antecede o lançamento de um produto:

#1. Desenvolvimento do perfil dos consumidores

Aqui, o profissional terá um papel fundamental na definição do público-alvo e na elaboração de uma visão completa do potencial cliente da empresa.

#2. Posicionamento e mensagem

Nesse estágio, a ideia é responder a três perguntas fundamentais: o que o produto faz, quem vai usá-lo e porque ele é diferente dos seus concorrentes.

O resultado de todo o processo é um documento que posiciona o produto dentro do mercado ou, até mesmo, um conjunto de mensagens relevantes sobre ele.

#3. Educação da empresa sobre o posicionamento e a mensagem

Essa é a hora de garantir que toda a empresa saiba o essencial sobre o produto. Essa etapa é fundamental, já que, por meio dela, é possível manter o alinhamento nas informações que serão passadas aos clientes (e parceiros, e mídia, além de outros stakeholders). Também é necessário que todos comprem a ideia do novo produto.

#4. Criação de um plano de lançamento

O analista de marketing para produtos é responsável pela criação de um plano de lançamento, que, normalmente, envolve várias equipes de toda a empresa, incluindo marketing, vendas, suporte e outras. Criar um plano de lançamento eficaz é fundamental para fazer um lançamento de sucesso.

#5. Criação de conteúdo para o lançamento

O conteúdo de lançamento é a parte mais importante para qualquer plano de lançamento. O profissional de marketing para produtos trabalha com quase todas as equipes internas da empresa no conteúdo de lançamento, incluindo desde a produção de press releases (notícias que serão enviadas para a imprensa), manuais, demonstrações, páginas da web até entrevistas com os desenvolvedores do produto ou os diretores da empresa.

O conteúdo garante maior impacto e visibilidade ao produto e, além disso, também é possível obter melhores resultados em vendas, desde que seja desenvolvida uma estratégia adequada.

#6. Preparação da equipe

A comunicação interna pode ser tão importante quanto a externa para o lançamento de um produto. Aqui, o trabalho é se certificar de que tudo está preparado e pronto para sair antes mesmo do lançamento.

Isso, normalmente, significa se certificar de que cada setor e colaborador estão cientes do lançamento e preparados para atender às demandas que vão surgir a partir dele.

#7. Lançamento

O lançamento é o momento decisivo para um analista de marketing para produtos, e, mesmo após, o profissional continua em demanda. Ele precisa estar preparado para fazer ajustes conforme o retorno obtido junto ao mercado – e isso será decisivo para garantir o sucesso do produto no longo prazo.

Formas de atuação do analista de marketing para produtos nas empresas

No mercado atual, é mais importante do que nunca ter uma equipe dedicada exclusivamente à compreensão do mercado e das necessidades do comprador, utilizando esse conhecimento para garantir à empresa uma execução convincente em marketing e estratégias de vendas.

É por isso que a função de analista de marketing para produtos é essencial em uma empresa. Esse profissional irá utilizar os seus conhecimentos do mercado, do produto, da estratégia e da concorrência para trabalhar em conjunto com as equipes de marketing e vendas, garantindo uma execução de trabalho mais otimizada.

Nesse ponto, você pode estar se perguntando: o que torna o marketing de produtos diferente do marketing tradicional? Os dois não são a mesma coisa? Definitivamente, eles não são sinônimos.

O marketing tradicional se concentra na aquisição e na conversão de clientes, ajuda a promover uma empresa e sua marca e garante a consistência da mensagem que chega até o público. Já o marketing para produtos, por outro lado, foca no marketing para os consumidores, impulsionando a demanda e o consumo, tudo como objetivo deixar clientes felizes e satisfeitos com os produtos da empresa.

Pense no analista de marketing para produtos como um especialista que pode ajudar tanto no gerenciamento de produtos quanto na escala da empresa.

A razão para contratá-lo não é simplesmente reduzir a carga de outra equipe ou profissional, mas proporcionar uma melhor compreensão aos consumidores e mercado, ajudando a empresa a otimizar a forma como comercializa e vende os seus produtos.

Agora já sabemos em que o marketing de produto e o tradicional se diferem, fica a seguinte questão: “Como o marketing de produto é diferente da gestão de produto?”.

Bem, ao contrário do que muita gente pensa, eles não são responsáveis pelas mesmas coisas (mas você não está sozinho se já se perguntou o que cada um faz).

Resumindo, uma explicação rápida pode ser esta: se o trabalho da gestão de produto é criar e definir produtos e características novas, o do marketing é levar essas mercadorias ao mercado.

Ao longo do tempo, à medida em que a empresa cresce, ela introduz mais produtos ou variações deles e avança sobre novos segmentos.

O analista de marketing para produtos fala com o cliente e escuta o mercado. Ao incorporar o marketing na gestão de produtos, a empresa pode se assegurar de que terá um alinhamento de ponta a ponta – da estratégia e do desenvolvimento deles, às estratégias e táticas de lançamento.

Formação necessária para atuar como analista de marketing para produtos

A qualificação típica para essa carreira é uma graduação em Administração de Empresas, Marketing, Comunicação Social e até mesmo em Economia, ou uma pós-graduação em Gestão de Projetos, Marketing ou Psicologia, não esquecendo a importância da experiência de trabalho em áreas relacionadas.

Devido ao fato de a interação com o pessoal técnico ser uma competência-chave, a formação em engenharia ou em informática é, também, uma vantagem.

Analista de marketing para produtos é um cargo de nível de entrada, mas as empresas, geralmente, buscam por profissionais com sólidos conhecimentos básicos de estilos de marketing, práticas e técnicas comerciais.

Aqueles que procuram esse tipo de cargo também se beneficiam muito no quesito agregar conhecimento com estágios ou posições temporárias em departamentos de marketing de produto das empresas.

Habilidades essenciais para um analista de marketing para produtos

Em função de suas atividades exercidas, um analista de marketing para produtos precisa ser detalhista, disciplinado, responsável,  ter boa capacidade analítica, ter visão de negócios, saber usufruir de ferramentas de inteligência de mercado, além de trabalhar bem em equipe e ter boa comunicação oral e escrita.

Dominar outros idiomas, como o inglês, também pode ser importante para o analista de marketing para produtos, uma vez que há muito material de consulta, pesquisas e estudos desenvolvidos em outros países que podem ajudar na rotina de trabalho.

Além disso, o profissional deve saber trabalhar com planilhas, pesquisas, dados e estatísticas e conseguir analisar tendências e comportamentos para gerar insights para lançamentos e melhorias em produtos da empresa.

Expectativa salarial de um analista de marketing para produtos

O salário médio recebido pelo analista de marketing para produtos não é muito diferente do analista de marketing pleno tradicional, estando na faixa de R$ 4 mil mensais, podendo variar entre R$ 1.040 e R$ 11 mil.

De acordo com o guia salarial da consultoria Robert Half, a média salarial nacional de um analista da área de marketing em empresas de pequeno e médio porte pode variar entre R$ 3,7 mil e R$ 6 mil. Em empresas de grande porte, os salários tendem a ser de R$ 4,5 mil a R$ 7 mil.

Esse valor também vai depender da experiência anterior e de seu histórico profissional. Os analistas de marketing para produtos também têm boas oportunidades de ser promovidos na empresa para cargos de gestão.

Você ficou interessado pela profissão de analista de marketing para produtos? Quer ingressar em carreiras da área de marketing? Então continue acompanhando o blog e fique por dentro de outras profissões ligadas a essa área, que sempre conta com boas oportunidades para quem está preparado!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here